Histórico da Instituição

 

A Comunidade Terapêutica Educacional Renascer – CTER, tendo como mantenedora a Associação Beneficente Renascer – ASCER, é uma instituição não governamental sem fins lucrativos fundada em 16 de dezembro de 1994 a partir de questões levantadas por profissionais de diversas áreas de formação, que desenvolvia trabalhos com crianças e adolescentes com Transtorno Global do Desenvolvimento.


As atividades iniciaram em fevereiro de 1995 na Rua Conselheiro Carrão, 928 – Bairro Hugo Lange. Posteriormente as atividades foram sediadas na Rua Frei Orlando – Alto da XV e na Rua Leônidas Ferreira do Amaral – Tarumã. No ano de 1997 a ASCER obteve a Cessão de Uso de 2.500 m² da área do terreno da Escola Estadual Manoel Ribas, de propriedade do Estado do Paraná, localizada na esquina da Rua Imaculada Conceição com a Rua Guabirotuba no Bairro Prado Velho atual localização.


A Renascer possui Certificado de Utilidade Pública Federal, Estadual e Municipal; Certificado de Inscrição do Conselho Municipal de Assistência Social – CMAS e no COMTIBA – Fundo Municipal da Criança e do Adolescente e CNAS – Conselho Nacional de Assistência Social certificações legais que garantem o seu pleno funcionamento como entidade filantrópica.


A proposta inicial da instituição dirigia-se às crianças e adolescentes com transtornos globais do desenvolvimento (psicose infantil e autismo). Com o decorrer do tempo identificou-se a necessidade de desenvolver trabalho com crianças e adolescentes da periferia do município em situação de vulnerabilidade social e com núcleo familiar disfuncional tendo como reflexo dificuldades de aprendizagem e de comportamento em ambiente escolar. Diante deste contexto a instituição optou por ampliar seu projeto de atuação implementando ações comprometidas com a prevenção da violência urbana.


Inicialmente a Instituição atendia 30 crianças e adolescentes em período integral, sendo que a partir de 2000, o atendimento cresceu de forma significativa em função de demanda da comunidade. Atualmente a CTER atende cerca de 430 crianças e adolescentes sendo que 180 participam do trabalho sócio - educacional e terapêutico e 250 participam do Serviço de Mediação e Inclusão em Ambiente Escolar.
Princípios filosóficos

O nome Renascer que significa “nascer de novo”, “adquirir novas atividades, novo impulso”, “renovar-se”, “desabrochar”, sintetiza a proposta fundamental da instituição, baseada na co-responsabilidade e no reconhecimento da capacidade de ultrapassar as dificuldades das crianças e adolescentes, bem como de suas famílias, sendo a inclusão um processo construtivo e de descoberta que se conquista pelo re-questionamento continuo, onde o individuo participa como sujeito das questões e não somente como objeto de ação dos profissionais. Todo o trabalho se volta para o pleno usufruto do direito à cidadania por meio da promoção do desenvolvimento de suas potencialidades e capacidades máximas para uma participação socialmente ativa.


Objetivos de Desenvolvimento de Sustentável - ONU


De forma alinhada aos ODS´s, com destaque aos objetivos 3 e 4, promove a saúde mental e o bem-estar, assegura a educação inclusiva garantindo a igualdade de acesso aos mais vulneráveis, promovendo uma cultura de paz e não violência.

Metodologia


A CTER desenvolve um trabalho de Proteção Social Básica, conforme Tipificação Nacional de Serviços Sócio-Assistenciais (Resolução nº109, 11/112009), destinado a crianças e adolescentes com deficiência associada a condutas típicas em situação de vulnerabilidade social.Fundamentada na Declaração Universal dos Direitos Humanos (1948), na Conferência Mundial de Educação para Todos (1990) e Declaração de Salamanca (1994), a LDB/1996, que instituem o paradigma da inclusão social a CTER, Oferece um espaço que funciona como um centro de convivência onde crianças e adolescentes freqüentam 20 horas semanais, no período da manhã ou da tarde, ou em caso de extremo risco social, freqüentam 40 horas semanais, até que a sua família se organize. Uma vez incluído no atendimento da CTER o indivíduo tem a oportunidade de participar de atividades específicas conforme faixa etária e nível de desenvolvimento.


Sustentada teoricamente na interface entre psicanálise e educação a CTER assume a função de mediadora das relações proporcionando ao indivíduo o tempo de se buscar, de descobrir e encontrar o seu caminho. Cria-se desta forma um lugar que possibilite formas de expressão assumidas com confiança, levando consigo a busca da consciência de si e do outro a partir da valorização da historia pessoal, do desejo familiar e das necessidades sociais.


Uma equipe multidisciplinar composta por profissionais especializados na área terapêutica, pedagógica e social, oferece atendimento sócio-terapêutico-educacional integrado a crianças, adolescentes e seus familiares, através de uma gama de atividades, visando o desenvolvimento do indivíduo como um todo, para sua inclusão social e exercício pleno da cidadania.

 

O que fazemos

 

A Comunidade Terapêutica Educacional Renascer é uma entidade não governamental que atende crianças e adolescentes com dificuldades emocionais e comportamentais nos mais diversos graus.


Atendimento Sócio - Educacional


O Atendimento Sócio - Educacional se efetua através de dois programas: Escola Renascer - educação infantil e ensino fundamental, na modalidade educação especial e o Atendimento Educacional Especializado em contra turno ao período escolar. Esses atendimentos têm como objetivo a aquisição de conceitos fundamentais para a escolarização, a manutenção dos conhecimentos formais historicamente construídos, a sustentabilidade para o exercício da cidadania, bem como a sua inclusão social responsável. Oferece atividades de vida diária, atividades pedagógicas de elaboração do conhecimento, oficinas de expressão através das artes plásticas ou artesanatos, atividades socializantes de esporte e lazer, passeios e visitas orientadas, palestras em escolas públicas, e com pais.


Atendimento Terapêutico Multidisciplinar


Atendimento terapêutico com abordagem social multidisciplinar nas áreas de psicologia, psiquiatria, serviço social e terapia ocupacional para suporte ao trabalho sócio-educativo, para efetivação do trabalho de inclusão social.
Mediação para Inclusão em Ambiente Escolar.


Realizado nas dependências da CTER ou em ambiente de ensino regular no qual a crianças e adolescentes estejam regularmente matriculados Consiste num atendimento sistemático integrado ao educando e família em apoio à escola com caráter preventivo quanto a exclusão escolar e marginalização social


Atendimento com a Família


A atenção e proteção aos familiares ocorrem através de reunião de pais, visita domiciliar, orientação familiar, inclusão nas políticas sociais básicas e atendimento sócio-terapêutico para melhoria da qualidade de vida e reorganização da dinâmica familiar. A mediação das relações familiares é um processo que envolve intervenções sócio-terapêuticas e educativas às famílias, no sentido de instrumentalizá-las, favorecendo a inserção e a participação em sociedade.
O trabalho do Serviço Social da CTER atua ainda na tecissitura da rede interna de atendimento constituída pelos diversos setores técnicos, bem como na inclusão das crianças ou adolescentes e familiares na rede externa de proteção e recursos da comunidade.

 

 

Missão

“Proporcionar a inclusão social na escola e no mercado de trabalho a crianças, adolescentes ou adultos jovens com dificuldade emocionais e comportamentais nos diversos graus.”


Visão

“Tornar-se uma entidade com excelência na gestão e referência teórica-prática na área de atendimento a crianças e adolescentes com transtornos emocionais em diversos graus”.

 

Valores


- Inclusão social
- Responsabilidade sócio ambiental
- Co-responsasbilidade
- Ética
- Formação da consciência cidadã